quinta-feira, abril 21, 2011

Tempo para reflectir

Depois de Óscar Gonçalves surge agora Luís Miguel França a fazer sérias críticas ao aparelho socialista na região. Merecem atenção e análise.

Dois bons quadros, indubitavelmente, dois afastamentos que apenas enfraquecem o partido.

Nesta fase, deveríamos estar no caminho oposto, isto é, um partido mais aberto à sociedade, capaz de materializar os princípios que defende (veja-se o caso do Óscar Gonçalves).

Sem comentários: