quarta-feira, novembro 10, 2010

Jornalismo de causas

Numa investigação sobre uma rede de exploração sexual foi identificado um operador de câmara da RTP que mantinha uma rede de contactos, e servia de intermediário entre as prostitutas e os clientes VIP. No computador deste, foram detectados uma lista de individualidades que envolvia diversos políticos, ex-governantes e juízes.
Neste momento podemos afirmar com algum grau de certeza que não há pessoas do PS envolvidas nesta actividade criminosa, caso contrário, os seus nomes já estariam escarrapachados nas primeiras páginas dos jornais.
Com mais certeza se fica quanto ao não envolvimento de socialistas quando o que hoje se afirma na imprensa é que os coitadinhos dos políticos e juízes estariam a ser alvo de extorsão.
É a inversão total perante aquilo que se pretende proteger (ou atacar).

Faz-me lembrar aquela anedota em que um leão se solta em plena baixa pombalina e um cidadão, num rasgo de bravura, atira uma pedra certeira à cabeça do animal, evitando uma tragédia.
Todos os jornais se preparavam para dar a notícia: «Bravura humana salva multidão das garras da besta».
Quando se soube que o homem era socialista o título mudou para : «Socialista assassina brutalmente leão indefeso».

2 comentários:

Manuel Bleck Azancot disse...

De Socialistas a Calimeros... 2º acto!

Sancho Gomes disse...

Coitadinhos dos socialistas portugueses, tão indefesos que são... Não fosses tu, ó tino, paladino desses desgraçados...