quarta-feira, outubro 27, 2010

Cavaco, o poupadinho.

Numa invulgar apresentação de recandidatura, o actual presidente da república deu a saber que instruiu os responsáveis pela sua campanha que deveriam apenas gastar até metade do que a lei autoriza.
O que não foi dito, mas está implícito, é que cavaco, enquanto detentor do cargo de PR e tendo em conta as suas mais recentes iniciativas, já fez metade da sua campanha, mas usando os recursos da presidência da república.

Sem comentários: