quarta-feira, outubro 06, 2010

Argumentos do céu

Os Açores não têm as contas públicas no estado em que estão as da Madeira, por isso não irão aplicar na integra o pacote austeridade que será aplicado pelo governo da República.

A Madeira, dado o estado das nossas contas públicas, não só não tem alternativa como provavelmente terá de tomar medidas ainda mais duras.

Conclusão: a questão não é poder ou não poder. A questão é ter ou não ter de tomar as medias difíceis.

1 comentário:

Michelangelo disse...

Tino,

estou a ver que insistes nesta questão :)

Até concordo contigo que a Madeira tem de proceder a cortes mais duros que no resto do país mas mesmo assim pode sempre decidir a forma como os pretende fazer...não tem de seguir feito carneiro o pacote da república. Ao fazê-lo só demonstra uma vez mais como não têm qualquer ideia de como resolver o problema do endividamente excessivo que criaram!

Em relação ao pacote da república havia também muito a dizer: os cortes são sempre onde é mais fácil e os tachos esses continuam protegidos...

E quem acredita que os políticos aprovariam a redução das freguesias e concelhos?? Aliás nem falam nisso...quanto muito pensam: e os tachos pá?!