quinta-feira, outubro 28, 2010

Afinal era a brincar

Eduardo Catroga à hora do almoço dizia cobras e lagartos sobre a última proposta do governo para o OE após negociações.
Ao lanche, durante a CN do PSD dizia que deveria ser aprovado. Nem mais, nem menos.

Isto cada vez mais parece um jogo de poker, com muito bluff de parte a parte.
Só é pena que estejam a jogar com o nosso dinheiro.

2 comentários:

Andesman disse...

...a brincar com o nosso dinheiro e com o nosso futuro.

Nuno disse...

Deixo um excerto de um artigo de opinião publicado no correio da manhã:
«À hora de almoço, o ministro das Finanças disse: "Tornei claro ao PSD que não podia prolongar esta negociação de forma indefinida." À hora do jantar, afirmou: "Devemos continuar disponíveis para ultrapassar o impasse a que se chegou." O que era impossível às 12 horas voltou a ser possível às 20 horas.»

http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/opiniao/joao-miguel-tavares/teixeira-dos-santos-e-gemeo-de-socrates

Na minha opinião, o PSD devia ter, após o colapso das negociações, assumido 1 posição definitiva, fosse abstenção, votar contra ou a favor. Não faz sentido deixar pendurada a resposta dependente não se sabe exactamente de quê. Mas também a atitude do Teixeira dos Santos é inadmissível. Deixa-se pendurado alguém 4 horas e nem desculpas apresenta. A verdade é que nem um nem outro partido está querendo resolver o problema. Apenas deitar as culpas para cima do outro.